Runnersp
Login:
Senha:
  |  

Marroquina vence Maratona de São Paulo com novo recorde

Marroquina vence Maratona de São Paulo com novo recorde

Samira Raif superou a queniana Rumokol Elisabeth no quilômetro final. Entre os homens, o queniano David Kemboi foi o campeão

São Paulo (SP) - Os corredores africanos confirmaram o favoritismo e venceram a Maratona de São Paulo. Em um fim de corrida emocionante, a marroquina Samira Raif superou a queniana Rumokol Elisabeth no quilômetro final e venceu com novo recorde a 17ª edição da Maratona de São Paulo. Samira Raif registrou 2h36min01 e superou por seis segundos a marca de Maria Zeferina Baldaia, obtida em 2002. No masculino, o queniano David Kemboi foi o vencedor, mas não quebrou a melhor marca.

Vinte mil corredores foram às ruas da capital paulista neste domingo para participar da prova, que também teve os percursos de 10 e 25 quilômetros. O frio dos últimos dias deu lugar a uma temperatura agradável variando entre 19 e 25 graus.

Recorde para Casablanca - Samira Raif correu fora do pelotão principal praticamente durante toda a maratona. Apontada como a favorita entre as africanas, a queniana Rumokol Elisabeth liderou até o quilômetro 41, quando perdeu intensidade e foi ultrapassada pela marroquina. Segundo a atleta africana, os gritos de incentivo da torcida brasileira a ajudaram.

"A prova foi muito seletiva, com variações no percurso. No final, resolvi atacar e tentar a vitória. Deu certo e estou muito feliz e contente pelo apoio dos brasileiros que gritavam sem parar o meu nome ", disse Samira Raif.

A atleta tem 37 anos, mora em Casablanca, e seu melhor tempo em maratona foi 2h33min51 em fevereiro desse ano em Hong Kong. A marroquina quebrou uma série de três vitórias brasileiras na prova. Marizete Moreira, duas vezes e Maria Zeferina Baldaia levaram os últimos títulos.

A melhor brasileira na Maratona de São Paulo foi a goiana Sueli Pereira Silva (2h39min10), que terminou em quarto. "Estou contente com o resultado, mas dava para buscar uma posição melhor. Os túneis atrapalharam um pouco e eu senti cãimbras e fui obrigada a diminuir o ritmo ", revelou Sueli Pereira.

Pelotão queniano lidera de ponta a ponta - David Kemboi não bateu o recorde da Maratona, mas saiu com a vitória ao cruzar a linha de chegada com o tempo de 2h11min53. Apesar de adotar uma estratégia de passar a maior parte da prova em um ritmo forte, o queniano não fez a melhor marca da história porque, segundo ele, a umidade do ar estava elevada.

"A maratona foi difícil por causa do percurso e, principalmente, da umidade relativa do ar, que não foi ideal para correr. O clima, no entanto, estava ótimo. Estou feliz pela conquista e voltarei em 2012 para buscar o bi", contou David Kemboi, que tem a marca de 2h06min26s, conquistada na Maratona de Paris, há dois anos. .

O pelotão queniano andou o tempo todo na frente, com a companhia do brasileiro Damião Ancelmo de Souza. O brasileiro sentiu o forte ritmo dos estrangeiros e acabou desistindo no quilômetro 27.

Robert Cheruiyot, tricampeão da São Silvestre e pentacampeão da Maratona de Boston, também parou na metade do percurso, assim como o brasileiro Frank Caldeira. Os coelhos, James Kwambai e Ivuti Mutuku, que puxaram o ritmo da prova foram até o quilômetro 30.

Da roça para as pistas - O destaque brasileiro foi o baiano Laelson da Silva Santana (2h20min15) que terminou em quarto. Natural de Miguel Comum, na Chapada Diamantina, o atleta espera ser valorizado após o resultado. Laelson admite trabalhar na roça no sertão nordestino para pagar as contas.

"Não tenho patrocínio. Tenho de investir na minha carreira e, por isso, todas as corridas são difícies. Entro numa prova pressionado e sempre preciso ficar entre os primeiros para valer a pena. O atletismo mudou a vida de muita gente e comigo não deve ser diferente", explicou Laelson da Silva, de 30 anos.

O também baiano Jair José da Silva ficou em quinto e Marcos Alexandre Elias em sexto.

Resultados:

Maratona - masculino
1- David Kemboi Kiyeng (Quênia/Nike() - 2h11min53
2- Haylu Abebe Dagaga (Etiópia) - 2h13min12
3- Musenduki Mohamedi Ikoki (Tanzânia) - 2h18min43
4- Laelson da Silva Santana (Faz Atleta) - 2h20min15
5- Jair José da Silva (Acrimet) - 2h21min00
6- Marcos Alexandre Elias (Acrimet) - 2h21min43
7- João Marcos Fonseca (Cruzeiro) - 2h22min24
8- Eliesio Miranda da Silva (Pé de Vento/Grancursos) - 2h22min44
9- Gladson Alberto Silva Barbosa (Pinheiros) - 2h23min13
10- Paulo da Silva (Pacer Eluur) - 2h23min15

Maratona - feminino
1- Samira Raif (Marrocos/Atlas Mountain) - 2h36min01 (novo recorde)
2- Rumokol Elizabeth Chepkanan (Quênia/Luasa) - 2h36min36
3- Nancy Jepkosgei Kipron (Quênia/Fila) - 2h38min52
4- Sueli Pereira da Silva (Jataí) - 2h39min10
5- Magdaline Jepkorir Chgemjor (Quênia/Fila) - 2h40min22
6- Marily dos Santos (Mizuno/Multsport) - 2h40min50
7- Marluce Ferreira Borges (Multispor) - 2h49min01
8- Conceição de Maria Carvalho (Find/Caixa/Oakley) - 2h58min53
9- Leone Justino da Silva (Gazeta Esportiva) - 3h08min37
10- Rosane Xavier dos Santos (Corplan) - 3h55min40

25 quilômetros - masculino
1- Jonas Alves da Silva - l1h25min45
2- Alex Cavalcanti Mendonça (Call) - 1h30min30
3- Roque Pereira da Conceição (TNT) - 1h31min17

Resultados dos 25 quilômetros - feminino
1- Lindalva Saraiva da Silva - 1h46min48
2- Josefa Maria da Silva (Ane Assessoria Esportiva) - 1h52min00
3- Francisca Nilda (Sandro Performance) - 1h53min10

10 quilômetros - masculino
1- Giovani Aparecido Rodrigues - 33min41
2- Luiz Carlos Gimenez do Carmo (PlayTeam) - 34min28
3- Marinaldo Santos - 34min37

10 quilômetros - feminino
1- Shrileide da Silva - 41min31
2- Edinalva da Silva Nunes- 41min35
3- Luzinete Andrade dos Santos - 42min04

Cadeirantes
1° - Fernando Aranha Rocha (CCSJC Achilles) - 1h55min06
2° - Rayan Augusto de Souza e Silva (SJC) - 3h10min19
3° - Josimar Sena da Silva (SJC) - 3h57min49

Válida para a Liga de Ouro e para o Ranking CBAt/CAIXA de Corredores de Rua, a Maratona de São Paulo foi uma realização da Rede Globo, com organização da Yescom. A supervisão esteve a cargo da IAAF, CBAt, AIMS e FPA, com apoio especial da Prefeitura de São Paulo e do Governo de São Paulo. A prova teve patrocínio da CAIXA e da Adidas, patrocínio especial da Fisk, e apoios da Montevergine, HCor, Café Três Corações, Gatorade, Probiótica e TAM Viagens.

Mais informações no site www.maratonadesaopaulo.com.br
Siga a Yescom no twitter : www.twitter.com/yescom

Flávio Perez - Mtb.: 45562 / Vinícius Cabral - Mtb.: 47.121

Fotos: Fausto Ferrarias/Runnersp
Produção e Organização de Eventos Esportivos - Consulte-nos